Untitled Document
 
             
             
           
  você está em » Notícias
Untitled Document
Untitled Document
Área restrita
CPF:
Senha:

09/07/2014 18:46:08 - Netto Costa/ASMPF
ASMPF e SINASEMPU querem extensão de bolsas de pós-graduação e línguas aos técnicos
Em reunião com o PGR, entidades trataram do PL que reajusta salários e do reajuste de benefícios

Foto: Ascom/SINASEMPU

 A ASMPF e o SINASEMPU entregaram ao PGR Rodrigo Janot um documento em que pedem administrativamente que os benefícios dos programas de pós-graduação e cursos de idiomas sejam estendidos, indistintamente, a Técnicos e Analistas, independe de ocuparem ou não funções comissionadas.

Outro assunto que dominou a reunião, que ocorreu nesta quarta-feira (9), foi o encaminhamento do substitutivo ao PL 6697/2009 à Câmara dos Deputados. Janot informou que o texto já foi encaminhado à Comissão de Finanças e Tributação (CFT) e que estará empenhado pela aprovação do mesmo. “Vou me reunir com o presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa, e também com o seu sucessor, ministro Lewandowski, para tratar desse tema”, disse o PGR. Ele afirmou entender que será uma negociação conjunta envolvendo o MPU, o Judiciário e o Executivo.

O PGR solicitou às entidades um comparativo das carreiras correlatas ao MPU para mostram ao governo federal a real defasagem salarial. Além da presidente licenciada da ASMPF, Edilene Vasconcelos, e do diretor do SINASEMPU, Darci Almeida, que assinaram o documento, também participaram do encontro o secretário-geral do MPF, Lauro Cardoso, o diretor do sindicato, Velton Rodrigues, o secretário-geral adjunto da Associação, Geraldo Salvador, e a servidora associada Sônia.

As entidades representativas dos servidores solicitaram informações sobre o pagamento do auxílio-creche e auxílio alimentação, solicitando o mesmo reajuste já implantado no STF. “Se vamos seguir o Judiciário, então que se tenhamos os mesmo benefícios”, afirmou Darci.

Isonomia e impessoalidade

Edilene reforçou que deve existir isonomia e impessoalidade entre as categorias de servidores do MPU, uma vez que o Programa de Treinamento, Desenvolvimento e Educação do MPU destina-se à “qualificação e aperfeiçoamento pessoal e profissional dos servidores do Ministério”.

O documento entregue ao PGR aponta que os técnicos foram impossibilitados de participar do processo seletivo para o recebimento de bolsas para os cursos de pós-graduação e também para os cursos de idiomas, de acordo com o que constou nos Editais nºs 6 e 9, de 2014. “O programa deve alcançar todos os servidores”, disse Edilene, “independente da ocupação de função comissionada ou cargo em comissão”.

A ASMPF e o SINASEMPU solicitaram que o PGR determine a abertura de novo prazo de inscrição para que todos os ocupantes de cargos de Técnico, além de Analistas, possam se inscrever nos processos seletivos.

Íntegra do documento

 
 
Untitled Document
Associação dos Servidores do Ministério Público Federal - ASMPF
Você acredita que a seleção brasileira pode vencer a Copa do Mundo?
Sim, Brasil será campeão
Talvez, mas temos que melhorar
Não, o time não é bom o suficiente
Associação dos Servidores do Ministério Público Federal - ASMPF
Banco Alfa